Receita de Foie Gras com Trufas


Ingredientes

  • 800 g de fígado de ganso; foie gras com trufas
  • 3 trufas de conserva ou 100 g de trufas frescas;
  • 1 cálice de conhaque ou vinho do Porto;
  • 1 tira de toucinho grande;
  • sal e pimenta.

Mode de Preparo

Corta-se o fígado de ganso em quadradinhos pequenos e as trufas em quadradinhos mais pequenos que os do fígado.

Forra-se totalmente uma terrina pequena e alta com uma tira inteira ou várias tiras pequenas de toucinho (estas tiras devem ser finíssimas). No fundo colocam-se alguns bocadinhos de fígado, que se dispõem de maneira a cobrir o fundo regularmente. Temperam-se com um pouco de sal e pimenta e espalham-se por cima alguns bocadinhos de trufas.

Põem-se os restantes bocadinhos de fígado e de trufas em camadas sucessivas, temperando meticulosa e cuidadosamente cada camada com sal e pimenta. Quando os elementos se tiverem esgotado viram-se as pontas do toucinho sobre eles e regam-se com o conhaque ou o vinho do Porto.

Fecha-se a terrina hermeticamente com ajuda de uma tira de massa feita de farinha e água e leva-se o foie gras a cozer em banho-maria no forno durante 50 a 60 minutos. Depois desta operação coloca-se um peso por cima para a pasta ficar compacta. Conserva-se no frigorífico até à altura de ser servido.

Termos relacionados:

Dicas e receitas relacionadas:

Receba de Graça ! Cadastre seu E-mail e receba receitas culinárias e novidades.


2 Comentários

  1. Marcos Hildebrandt

    Quero deixar aqui registrado o mal que estes montros fazem aos gansos para se fazer esse foie. Os fígados destes animais estão doentes e eles são forçados a comer mais ração do que o suportável e ficando em locais minúsculos para que não possam se mexer, são injetadas tanta ração em seus estomagos e que chega a estourá-los. A cor dos fígados destes animais atingem uma coloração mais escura do que a de comun, e a doença visívelmente aparente. Isso é uma crueldade que se faz com estes animais para pura e simplesmente satisfazer o paladar de uns idiotas que se dizem “refinados”. Porque não se pega um idiota deste e faz-se a mesma coisa do que os gansos? Deve ficar maravilhoso!!! Vocês não acham??? Fiquei decepcionado com vocês por terem publicado uma receita tão cruel como esta. Passarem bem!!

  2. Caio

    Concordo, apesar de realmente não concordar muito com o que os gansos e patos passam para atingir o “ponto” do fígado. Mas não posso negar, realmente é um prato requintado, diferente. Acho que… As duas opiniões contam. Sou Chef faz pouco tempo, mas tenho conhecimento. Todas as duas opiniões devem ser levadas em conta, sem qualquer exagero.